Microstock – Quando e Para Quem Vale a Pena?

Há alguns anos, um fenômeno no mercado de Stock tem assolado os bancos de imagem: agências de Microstock têm se espalhado pela internet como uma verdadeira febre, enquanto que os Stocks tradicionais perdem cada vez mais mercado. O motivo principal: O PREÇO das imagens.

Para quem não conhece muito, trocando em miúdos, funciona mais ou menos assim:

Em stock, a venda tradicional de imagens varia muito, de acordo com o tipo de uso da imagem: tempo de uso, se é para fins editoriais – de acordo com o número de tiragem impressa, o tamanho da imagem, onde ela irá ser colocada, etc – ou apenas para internet, o tamanho da imagem adquirida em pixels, enfim, tudo interfere no valor, além da qualidade e impacto da própria imagem.

Em microstock, geralmente a variação ocorre apenas pelo tamanho em pixels escolhido pelo cliente.

Comparando-se uma mesma imagem nos dois tipos de agência, teríamos, por exemplo, uma foto de lifestyle a U$ 100,00 em stock, para uso em internet, e U$ 15,00 (quinze dólares – e às vezes até muito menos) em microstock, para a mesma finalidade. Qual a pegadinha do malandro? EXCLUSIVIDADE.

Uma foto comprada em Stock, garante ao cliente (por contrato) a exclusividade daquela imagem por um número “x” de tempo, enquanto que as fotos de microstock podem ser vendidas quantas vezes o fotógrafo e a agência quiserem. Para a agência é formidável, pois é um negócio extremamente lucrativo. Para o fotógrafo, “pode-se dizer” que seja bom, pois se ele vender 200 vezes a mesma foto, terá ganho pelo menos U$ 1.500,00 (geralmente a comissão da agência é de 50%).

Já pelo ponto de vista da empresa que comprou a foto para usar em seu site, é horrível. Outras 200 empresas estarão usando a mesma imagem para passar “credibilidade” a seus clientes. Para ilustrar bem, leiam este artigo, publicado no blog do Stock Photographers Direct. Chega a ser ridículo, não?

Não sou contra microstock e inclusive digo que algumas coisas eu poderia vender para essas agências. Há mercado para todo o tipo de fotografia e estilo pessoal. Sobre o ponto de vista técnico das imagens, encontram-se imagens excelentes (lindas mesmo, de impressionar) em microstock, por um valor irrisório (o que eu acho um desperdício). Os fotógrafos podem  ganhar muito bem a vida com isso, se trabalharem full time com essa finalidade (mas vejam, é preciso vender muito para valer a pena, enquanto que às vezes paga-se as contas do mês com uma única imagem vendida em Stock).

Por outro lado (por favor, me expliquem a lógica disso): por que diabos um empresário que gastou de U$ 1.000 , U$ 5.000, U$ 10.000 no site da sua empresa e quer passar confiabilidade, opta por fazer uma opção dessas, ao invés de gastar um pouco mais e ter imagens que somente ele poderá ter?

Se for por economia, é uma economia cega. A pessoa vai no google e digita “transport, trucks, logystic” (transporte, caminhões, logística) e lhe aparece uma relação de 200 empresas. Dessas 200, 20 possuem imagens idênticas na homepage (e às vezes no resto do site). A mensagem que isso me passa é “são apenas mais 20 empresas de logística iguais”. Péssimo para os negócios.

Se não é por isso, ou é por falta de atenção para a parte visual do negócio, ou mesmo a total falta de conhecimento e comunicação com o webdesigner, o que também não é nada bom.

Para fins editorias.. OK. Em algumas situações é bem plausível a utilização, mas… já vi revistas brasileiras *inteiras* ilustradas com imagens Royalty-Free de microstocks, inclusive a capa. Uma delas (pasmem) de DIREITO, que não vou citar aqui por motivos óbvios. É pra rir, ou pra chorar?

Add to FacebookAdd to DiggAdd to Del.icio.usAdd to StumbleuponAdd to RedditAdd to BlinklistAdd to TwitterAdd to TechnoratiAdd to FurlAdd to Newsvine

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s